8.7.14

Capitulo 3 - A Sexóloga - 2° Temporada

 
~
 
Joe e Demi entraram no quarto ao beijos e caricias. Joe empurrou Demi contra a porta assim que a mesma fora trancada. Demi riu ao perceber o desespero que eles estavam para poderem fazer amor, aquele desespero parecia que eles estavam sem se ver, sem se tocar a meses. Joe estava bastante desesperado, Demi o provocara durante o dia todo, o beijando e fazendo caricias em seu membro enquanto estavam indo em direção ao restaurante, e enquanto jantavam com Selena e Nick.

Demi fizera o ficar excitado enquanto dirigia, ela o provocara de todas as maneiras possíveis para deixar não só Joe, mas qualquer homem maluco. Ela acariciava os próprios seios, as pernas, as coxas e fazia questão de fingir um gemido e ter certeza de que Joe estava prestando atenção no que ela estava fazendo. O que Joe achava dessa nova Demi?? Sedutora e fogosa? Ele amou, era aquela Demi que ele conheceu, aquela Demi que transou com ele, com um fogo que ele nunca havia visto em uma mulher na vida, aquela Demi: A Sexóloga.

- Shh... não podemos fazer barulho, lembre-se que o David consegue escutar, vamos ter que ser bem cuidadosos, e você... menos escandalosa – Joe sussurrava enquanto beijava o pescoço de Demi, eles não podiam correr o risco de David ouvir de novo.

Joe correu as mãos por dentro da camisola que Demi usava enquanto acariciava cada centímetro da pele que era exposta. Demi também não poupou tempo e foi logo tirando a camisa de Joe e a jogando em algum canto do quarto. Joe mordia lhe o pescoço enquanto levantava a camisola dela, aquilo estava a matando, como ele poderia a torturar tanto daquele jeito? Porque ele não tirava logo a camisola e lhe tomava os seios dela, e fazia o que ele amava fazer e ela amava quando ele fazia.

Demi teve que morder o lábio para impedir que um gemido alto saísse de sua boca quando Joe mordeu-lhe um dos seios e acariciou o outro com uma das mãos. Demi agora já estava só de calcinha e ela já estava enlouquecida, queria logo Joe dentro dela.

Joe foi guiando Demi enquanto se beijavam com bastante desejo até a cama. Ele deitou Demi carinhosamente sobre a cama e antes de subir em cima dela ele retirou a calça só restando a sua cueca, que ele preferia que Demi retirasse. Joe foi deitando por cima de Demi enquanto fazia uma trilha de beijos pelo corpo dela.

Demi gemeu um pouco baixo, um gemido reprimido, ao sentir a ereção de Joe já pulsando, entrando em contado com a intimidade dela, mesmo eles ainda tendo as roupas intimas impedindo tal contato, eles podiam sentir a excitação um do outro. Joe continuou o serviço com os seios de Demi, intercalando entre o seio esquerdo e o direito, os beijando, os chupando, os acariciando, levando Demi ao êxtase, ela estava quase tendo um orgasmo só de sentir os lábios quentes de Joe entrarem em contato com seus mamilos.

Joe já percebendo que Demi estava perto do primeiro orgasmo daquela noite, ele levou um das mãos até a intimidade dela, descendo delicadamente, adentrando a calcinha, com o dedo entrando em contato com a entrada dela. Demi estremeceu ao sentir o carinho que Joe fazia em seu clitóris, ele fazia movimentos circulares que estavam a levando a loucura, ela estava perto de gozar.

- Eu quero mais... - Demi sussurrou no ouvido de Joe, ele a estava torturando com aquele ritmo lento. Ela queria mais, mais rápido.

Demi gemeu de frustração ao sentir que Joe parou o carinho que ele fazia em sua entrada, ela observou curiosa ao ver que Joe retirara a cueca box, libertando a sua enorme ereção, pronta para a possuir, e logo depois retirar a calcinha de Demi, na verdade, ele praticamente a rasgou. Demi pensara que eles não iam prolongar mais as preliminares, mas ela ainda estava perto de um primeiro orgasmo e não queria que acabasse agora.

Ela se surpreendeu ao sentir Joe roçar o membro contra a entrada dela a fazendo se contorcer na cama. Joe ainda continuava massageando os seios de Demi e ela já estava com as pernas abertas pronta para Joe poder a penetrar. Joe encaixou seu membro bem devagar na entrada dela, mas sem entrar por completo, só até a metade, ele entrava e saia, ás vezes colocava só a cabeça de seu membro e saia, as vezes colocava até a metade. Ele foi torturando Demi desse jeito até ela ter o primeiro orgasmo da noite.

Mesmo lutando contra a vontade de se enterrar ainda mais nela, Joe retirou seu membro de dentro da entrada de Demi, agora com o gozo dela sobre ele. Ele deitou na cama e ela logo entendeu o que ele queria, queria que ela sentisse o seu próprio gosto. Normalmente ela sentia quando Joe a fazia oral e a beijava logo depois, mas esse era um novo jeito, ela experimentava o que para Joe era uma fantasia sexual e ao mesmo tempo dava prazer a ele.

Demi ainda com a respiração descompassada e ainda tremendo por conta do orgasmo, sentou no peito de Joe, ficando de costas para ele, fazendo questão que ele tivesse uma visão do seu bumbum. Joe sem pensar já foi logo acariciando aquela bunda maravilhosa que Demi tinha. Ele sabia que ela tinha um sonho, uma fantasia sexual de fazer um sexo anal, mas claro que ele nunca falara aquilo com ela, no dia que ela lhe contou, ela estava bêbada e nem lembrara de mais nada no dia seguinte. Essa seria uma fantasia deles que eles ainda iriam realizar.

Joe apertou a bunda de Demi forte ao sentir a mão dela acariciando o membro dele, não ver o que ela fazia em seu membro era ainda mais excitante. Demi não demorou para o abocanhar com tudo, ela fazia a mesma coisa que ele lhe fizera nos seios. Massageava, chupava, dava leves mordidas, e levava Joe a loucura. Depois de alguns minutos, Joe finalmente teve um orgasmo, mas isso não impediu para que seu “amiguinho” ainda funcionasse, pelo contrário, ele estava mais que excitado em querer Demi.

- Por cima ou por baixo? - Demi perguntou enquanto beijava o peito de Joe e os acariciava.

- Você por cima, quero você cavalgando – Joe respondeu com uma voz sexy e cheia de excitação. Ele sentou na cama com Demi ainda sentada sobre ele. Logo após Joe apoiar as costas na cabeceira da cama, Demi se apoiou com as mãos nos ombros de Joe enquanto encaixa bem devagar o membro dele em sua entrada, arrancando um gemido dos dois ao sentirem as intimidades entrarem em contato.

Demi começou a cavalgar com a ajuda de Joe que controlava a rapidez dos movimentos a impulsionando para cima e para baixo. O que eles mais achavam incrível no sexo que eles dois tinham era que não importava que posição, que lugar, sempre, parecia uma nova experiencia, como se a cada vez que fizessem amor, eles descobrissem um novo tipo de prazer, nunca se cansavam de estarem conectados dessa forma, era uma forma de mostrar que um amava o corpo do outro, já que eles aproveitaram para explorar o corpo um do outro.

Joe tentava ocultar os gemidos altos que saiam de Demi a beijando. Eles estavam em um ritmo bastante rápido, que dava para ouvir o barulho das intimidades se chocando uma com a outra. Eles não iam aguentar por muito tempo, já estava chegando ao limite. Quando faltavam bem pouco para gozar, Demi mudou os movimentos, fazendo agora movimentos impulsionando o corpo para frente e para trás, não como antes, para cima e para baixo. Não demoraram muito para atingirem o limite. Os dois bastante suados, ofegantes e com um sorriso de satisfação no rosto. Demo teve que morder o ombro de Joe para não gemer alto.

- Eu te amo bebê – Joe sussurrou para Demi que escondia o rosto no ombro dele enquanto se acalmava.

- Também te amo amor – Demi respondeu o dando um selinho.

Joe cuidadosamente tirou Demi de cima dele. A deitando do lado dele, ela logo se aninhou a ele enquanto Joe o fazia um carinho em seus cabelos.

- Amor, esquecemos a camisinha, tem alguma coisa? - Joe perguntou, sempre ele fazia essa pergunta a Demi, já que a mesma já falou que não queria engravidar de novo. Não por agora.

- Relaxe amor, eu tomo anticoncepcional e estou “ligada” - Demi explicou a Joe. Ela não poderia engravidar pois o útero dela meio que estava “bloqueado”, por isso ela falara que estava “ligada”.

- Papai?

- É o Dav. Será que ele ouviu a gente? - Demi perguntou preocupada, ela levantou rapidamente da cama acompanhada de Joe. Vestiu a calcinha rapidamente e uma camisa de Joe. Joe logo vestiu a cueca box. Demi foi até a porta e a abriu, David estava lá parado com o pijama bem fofinho, e com seu boneco de pelúcia do personagem Mike de “Monstros S.A.”. Demi sentiu o coração partir ao ver a carinha dele e uma lagrima descer pelo rostinho do seu bebê.

- Meu amor o que houve – Demi pegou David no colo e o ninou, ele chorava baixinho enquanto abraçava a mãe com bastante carinho e ao mesmo tempo como se estivesse com medo.

- Pesadelo mamãe – Ele não precisou dizer mais nada para Demi perceber o que acontecera, ele tivera pesadelos, ela odiava quando isso acontecia, David era uma criança bem tímida, mas quando tinha pesadelos, ele ficava tão quieto, era de partir o coração. Demi faria de tudo para poder tirar todo o medo dele.

- Esta tudo bem agora meu bebê, mamãe vai te proteger – Demi entrou no quarto com ele no colo e logo sussurrou para Joe o que houve. Ela entregou David para Joe enquanto a mesma trocava os lençóis da cama, David iria dormir com eles e não seria legal ele deitar nos lençóis que ainda cheiravam a sexo.

Depois de deitarem, Demi preferiu não perguntar qual fora o pesadelo, seria melhor deixar o filho dormir e quem sabe quando ele acordasse pela manhã nem lembrasse mais do pesadelo. Enquanto fazia um carinho na cabeça de David enquanto ele dormia, Demi conversava com Joe sobre como fora o dia dela no trabalho, ela sabia que ele não estava muito interessado em saber, mas mesmo assim ela contou, sendo sincera, para ele saber que ela não fizera nenhuma consulta parecida com a qual ela fez nele a anos atrás.

- É a Sel – Joe falou interrompendo Demi que falava empolgada sobre o quanto ela estava feliz em voltar a trabalhar.

- O que?

- A Sel, ela esta te ligando – Joe estendeu o celular de Demi para ela, que atendeu imediatamente, eram onze da noite e se Selena estava ligando era uma emergência.

- O que aconteceu? - Demi perguntava enquanto ouvia Selena do outro lado pedindo desesperada por ajuda

- O que houve com o Nick? - Demi perguntou depois de Selena falar embolado e rápido que algo acontecera com Nick

- Selena, fala mais devagar, o que houve com o Nick que você precisa da minha ajuda... não estou entendendo – Demi perguntou preocupada, mas logo soltou uma gargalhada quando finalmente Selena falou o que acontecera. E como Demi conhecia Selena como ninguém sabia que a amiga estava completamente envergonhada e com certeza Nick estava também.

- Como assim Sel? Espera ai, me conta essa história direito – Demi ainda ria, a situação era engraçada porque ela não estava no lugar de Selena. - Tá bom, então você me explica quando chegar aqui, e vem logo, e no caminho, coloca um gelinho...

Demi desligou o celular mas antes ainda ouviu um palavrão de Selena. Ela estava estressada.

- O que houve? - Joe perguntou sem entender o porque que Demi estava rindo. Ela chegara a estar vermelha.

- O Nick e a Sel estão vindo para cá, quando eles chegarem e a Selena me explicar tudo direitinho, você irá saber...

- Poxa, vai me deixar curioso bebê? - Joe perguntou com uma cara de quem quer ser mimado.

- Awn amor, vai sim, essa sua carinha não me convence, e também eu não sei se a Selena e o Nick deixariam eu contar sobre esse pequeno caso... - Demi apertou o bico que Joe fazia com os lábios. - Eu irei tomar um banho e por enquanto você fica aí com o Dav, eu tenho certeza que ele ainda não dormiu, ele normalmente dorme com a mãozinha no rosto – Demi comentou observando o filho, ela sabia exatamente as manias que o filho tinha.

- Pala papai – David resmungou rindo quando Joe fez cócegas na barriga dele.

- Você estava fingindo que estava dormindo Dav? - Joe perguntou enquanto fazia cócegas no filho. Demi saiu de fininho entrando no banheiro, ela amava esses momentos pai e filho de Joe e Dav, eles eram tão fofos quando estavam juntos. Joe ficava um tremendo bobão, ele se tornava uma criança quando estava com o filho.

- Eu quelo dormir abaçado com a mamãe – David respondeu ao pai com uma carinha de sono. Ele era tão apegado a mãe.

- Quer tomar o lugar do papai? - Joe perguntou brincando, é claro que ele deixaria David dormir abraçado com Demi, ele dormia desse jeito com Demi desde pequeno, era uma forma de se proteger e de proteger a mãe.

- Só hoje papai, a mamãe dome todo dia com você – Joe o olhou tão apaixonado, a cada dia ele se apaixonava ainda mais por aquele pedaço de gente. Ele era tão orgulhoso do filho que tinha, Dav tinha apenas 3 anos e era tão esperto. E tão manhoso, puxara a Joe.

- Tudo bem, você pode dormir com a mamãe, mas... só se amanha você me prometer que vai sair comigo. Vamos no shopping para comprar um presente para a sua mãe... - Só foi ouvir a palavra presente que David logo levantou se sentando de frente para Joe. Ah, Demi iria o matar, era para ele colocar David para dormir, não para o despertar.

- Você compa pesente pa mim, papai? - David perguntou enquanto olhava para o pai sorridente.

- Só se você me der um abraço de urso... agora – David nem esperou nem um minuto e foi abraçar o pai bem forte. Mesmo se Joe não pedisse, David iria o abraçar.

Antes mesmo de Demi sair do banheiro, Selena e Nick chegaram. Joe desceu com David para atender a porta e se deparou com Selena bem impaciente e Nick meio que se escondendo atrás dela.

- O que aconteceu? - Joe perguntou reprimindo o riso ao encarar Selena que estava completamente descabelada.

- Cadê a Demi? - Selena nem esperou Joe os convidar para entrar e já foi logo entrando na casa indo até a sala com Nick ainda andando atrás dela.

- Ela está no banho, podem entrar – Joe falou ironicamente. Selena revirou os olhos.

- Não tenho tempo para suas formalidades Joseph! - Selena falou irritada

- Alguém acordou, ou quer dizer, dormiu com os macacos, Sel, eu vou ser sincero, você esta me dando medo com esse seu cabelo assim – Joe falou com medo quando Selena o fuzilou. David escondeu o rosto entre o pescoço de Joe – Viu? Até o Dav está com medo de você

- Cala a boca, será que podemos subir?

- Agora que você já invadiu minha casa, pode subir, fique a vontade – Joe falou brincando mas logo se arrependeu ao perceber que Selena estava muito, muito estressada.

- Se você não estivesse com o Dav no colo, pode ter certeza que minha mão já estaria na sua cara

- Qual foi Sel? O Nick broxou foi? Pra você estar assim estressada. Deus é mais, estou querendo brincar e você com estresse, já não basta eu ter que aturar a TPM da Demetria e ainda sou obrigado a aturar a sua – Joe falou a parte da TPM de Demi sussurrando. - Pode subir, eu vou ficar aqui em baixo com o Dav.

- Tanto faz, você e nada é a mesma coisa – Selena falou irritada enquanto subia as escadas com Nick atrás dela que até o momento não havia se pronunciado, não era pra menos, ele morria de medo de contrariar Selena.

- Poxa, essa magoou. Dav, você gosta de ficar com o papai não gosta?

- Eu amo você papai – David respondeu ainda aninhado a Joe, ele havia ficado com medo de Selena. Por mais que ele amasse a tia, ás vezes Selena colocava medo em qualquer pessoa.

Quando Selena chegou no andar de cima, Demi já a esperava na porta do quarto de hospedes com uma maletinha na mão. Nick a olhou completamente envergonhado. Os três entraram no quarto e Demi logo mandou Nick deitar na cama.

- Então, agora dá para me explicar o que realmente aconteceu? - Demi perguntou enquanto se sentava em uma cadeira próxima a cama em que Nick estava deitado. Ele preferia não falar nada, já estava envergonhado o bastante.

- Bom... eu e o Nick estávamos... - Selena gaguejou ao falar, ela olhava para Nick e ele estava mais envergonhado do que ela.

- Fala logo Sel, não comece com essa de estar com vergonha de mim, porque uma pessoa que conta os mínimos detalhes de como foi a primeira vez não deveria ter vergonha de nada mais – Demi comentou ao ver que Selena estava com vergonha de contar.

- Eu era uma inocente e precisava compartilhar esse momento com a minha melhor amiga – Selena comentou se defendendo

- Inocente? Você? - Demi perguntou rindo. Nick observava as duas querendo saber mais dessa historia de como Selena perdeu a virgindade. - Uma pessoa que perde a virgindade dentro de uma despensa, no meio da festa de aniversário não é tão inocente assim, você nem estava bêbada

- Tá, chega de falar de mim... - Selena interrompeu Demi antes que ela contasse os detalhes desse dia – Bom, eu e o Nick estávamos transando, dentro da banheira e bem, a posição que estávamos não era uma das melhores, mas enfim, quando estávamos quase lá...

- Ai meu Deus!! Nick você broxou?? - Demi perguntou assustada interrompendo Selena a impedindo de terminar de contar o ocorrido.

- Claro que não, eu não sou o Joseph! - Nick falou pela primeira vez desde que chegara na casa de Joe e Demi.

- Continuando, o Nick começou a sentir umas dores e quando eu fui perceber ele estava com... o pênis dele inchado, eu to achando que quebrou – Selena falou com uma carinha de “não é minha culpa”

- E o que você quer que eu faça? Examine o pênis do Nick? Sério? - Demi olhou para Selena não acreditando.

- Por favor Dem, eu não vou levar o Nick para outra mulher o examinar, e eu confio em você, e o Nick também

- Sel, eu acho que não vai rolar, pelo amor de Deus, é o pênis do meu cunhado, do seu namorado, eu não sei se eu conseguiria fazer isso. - Demi olhou para Selena com os olhos arregalados. Ela não conseguiria examinar Nick.

- Sel, eu acho que eu também não estou muito confortável com isso... - Nick se pronunciou mais uma vez.

Selena implorou mais algumas vezes e finalmente Demi cedeu. Ela iria examinar, mas só olhar, Selena iria tocar nos lugares que Demi pedira. Selena tirou com a ajuda de Nick a bermuda que ele usava e depois a cueca box. Demi respirou fundo antes de sentar mais próxima a Nick. Ela observou o membro dele por alguns segundos. “Mesmo o do Joe ser mais grosso e maior, até que o do Nick também é bem dotado”. Demi pensara.

- Nick! Eu não estou achando, eu tenho certeza que você quebrou, está inchado demais e roxo. - Demi comentou deixando Nick e Selena bem assustados.

~
 
Oiii!!! mil desculpas pelo atraso para postar, eu estava tendo dificuldades para poder escrever o hot, eu pensei até em desistir e postar só a parte que não tinha o hot, mas ai eu tentei, tentei e consegui escrever alguma coisa, eu espero que tenha ficado legal, me desculpem se tiver algum erro, eu não revisei o capitulo :/
 
Obrigada, muito obrigada por todos os comentários, fico muito feliz em saber que vcs estão realmente gostando da nova temporada e tbm por estarem respeitando o meu tempo para escrever. vocês são os melhores <3
Eu AMO muito vocês, Beijooos!!!

13 comentários:

  1. Quebrou ?! hahahahahahaha morri hahahahahahahaha Omg ahahahahhahahahah amo a fic cada dia mais perfeita. Kiss :* <3

    ResponderExcluir
  2. Morri com esse capítulo!!
    Kkkkkkkkk
    O Nick quebrou o pênis dele... Aposto que foi culpa da Selena kkkkkkk
    (desculpa estar rindo da desgraça alheia)
    Eu simplesmente amei esse capítulo de verdade!! E esse Dav? Todo fofo e lindo <3
    Continua ...
    Fabíola Barboza :*

    ResponderExcluir
  3. kkkkkkk tadinho do nick
    aí aí perfeito <3
    to amando viu
    posta logoo
    beijos sua diva

    ResponderExcluir
  4. Posta+, q cap foi esse primeiro um hot incrivel dps uma cena dessas, hahah! Bjos

    ResponderExcluir
  5. Quebrou ? Kkkkkkkkkk
    Cap mais que perfeito!
    Posta logo!!!!
    Beijos com glitter

    By- Milena
    Amo vc

    ResponderExcluir
  6. Que hot foi esse? meu deus que fogo desses dois kkk
    E pera... o nick junior quebrou? kkkkkkkkkkk tadinho gente <3
    posta mais mari, bjs

    ResponderExcluir
  7. Boa noite Mari!!
    O cap está maravilhoso!! Essa fic é perfeita, obrigada por postar!! Tadinho do Nick...sério mesmo que aconteceu isso?!? rsrs a Sel está desesperada coitada,.
    O Dav é muito lindo!!! Que bebê perfeito! Adoro ele!!!
    Bom Mari!! Amo essa fic!!! Ela é maravilhosa!! Parabéns! Bju!!

    ResponderExcluir
  8. Posta logo por favor, eu não aguento esperar mariiiii

    ResponderExcluir
  9. Horrível é essa sensação de ler um capítulo e não saber qdo vai ler o próximo e ter que esperar :( Posta logo!

    ResponderExcluir
  10. kkk Nick tadinho quebrou o peniskk Amei o cap. serio foi demais e posta logo

    ResponderExcluir
  11. Tadinho do Nick, que situação mais constrangedora.. Joe pirando em 3.2..1.. hsuasha Eu vai surtar, tenho certeza que vai. Bem, o hot ficou perfeito! Só espero que sra. Lovato não atrapalhe o Dav a dormir, tadinho kkkk
    Beijos Mari!

    ResponderExcluir

Deixem um comentário e deixem uma "escritora" feliz :D